Reciclagem

Abril 28 2014

Os CD’s e DVD’s antigos vão poder ser colocados em recipientes próprios, em mais de 400 lojas em todo o país, para serem encaminhados para reciclagem, e os seus materiais aproveitados, anunciou hoje a Quercus.

"Vai ser assinado um protocolo com várias entidades para permitir a recolha no sector doméstico, ou seja, no sector urbano, [respeitante] aos resíduos produzidos nas casas de CD’s e DVD’s usados", que já não são necessários e para os quais a reciclagem "é o melhor destino", disse à agência Lusa Pedro Carteiro, da associação de defesa do ambiente.

O protocolo vai ser assinado na terça-feira e envolve, além da Quercus, a Secretaria de Estado do Ambiente, a Agência Portuguesa do Ambiente (APA), Amb3E, Associação Portuguesa das Empresas de Distribuição (APED), Ecopilhas, EGF, EGSRA, ERP Portugal e Sociedade Ponto Verde (SPV).

"Fica garantido que vai ser implementada uma recolha capilar, que na primeira fase vai cobrir Portugal continental através da empresa que se ofereceu para fazer a parte mais difícil e mais cara que é a recolha de pequenas quantidades de resíduos", explicou Pedro Carteiro.

A Chronopost, especializada em transporte postal, através da sua rede Pick Me!, presente em diversas lojas, de lavandarias a papelarias, tem mais de 400 pontos distribuídos pelo país onde vão estar pequenos recipientes nos quais os consumidores podem colocar os seus DVD’s ou CD’s velhos.

A Secretaria de Estado do Ambiente contribuiu com o necessário enquadramento legal para esta recolha, que permite o alargamento desta rede de a outras entidades, como os estabelecimentos da grande distribuição, nomeadamente os hipermercados, que pretendam aderir à campanha chamada de "Vamos gravar essa ideia".

Em termos ambientais, o técnico da Quercus realçou que esta rede é "altamente sustentável" pois a Chronopost já faz diariamente as viagens para entregar encomendas por todo o país, e agora passa a transportar mais umas caixas com os CD's e DVD's sem uso.

Este resíduo vai ter um armazenamento temporário nas instalações da Chronopost, devidamente licenciado, depois será enviado para um operador, para o processamento final, e encaminhado para reciclagem.

A Quercus alerta que só deve ser entregue o CD pois a caixa, de cartão ou de plástico, já pode ser colocada nos ecopontos destinados às embalagens.

Os CD’s e DVD’s são fabricados de policarbonato (polímero termoplástico), "um material altamente valorizado e 100% reciclável", tendo uma camada de alumínio e outra de verniz.

O material obtido da reciclagem é usado nas lentes dos óculos e nas óticas dos automóveis, especificou Pedro Carteiro.

A condição da Chronopost para montar a rede de recolha daquele resíduo é que as receitas geradas com a venda dos CD’s e DVD’s.

fonte:Lusa/SOL

publicado por adm às 22:40

Tudo sobre a Reciclagem
pesquisar
 
Pesquisa personalizada
links